Meu Perfil
BRASIL, Norte, BELEM, Mulher, de 20 a 25 anos



Histórico


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 twitter
 Orkut
 Pedra Letícia
 Blog Verônica Assis
 Blog Lais Santos


 
O Mundo de Patricia


A vida é um jogo de Tetris

            Muito tempo sem blogar, praticamente um ano. O problema é o famoso "deixa para depois". A gente vai empurrando com a barriga, e quando vê, foram-se anos.

Mas como eu sempre costumo falar "antes tarde do que nunca".

            Enfim, mas eu estive pensando mesmo sobre quantos problemas a gente passa, quantas barreiras temos que enfrentar até conseguir alguma coisa. Nós lutamos para conseguir alguma coisa, e quando parece que tudo está nos eixos, aparece um tsunami e destrói tudo. Mas pensando bem, a vida é como um jogo de Tetris. Você começa não sabendo como jogar, perde várias vezes, erra muito, se irrita, taca o jogo na parede e depois de um tempinho você volta e passa mais horas brincando até aprender como os tetris devem se encaixar.

            Se você perceber a vida é muito assim, quando perdemos algo que demoramos para conseguir, o que sentimos logo é a raiva, culpa, tristeza, mas depois a ficha cai e percebemos que a solução é voltar a estaca zero e reconstruir tudo. Mas as pessoas demoram para perceber, que quando se constrói algo pela segunda vez, ele sempre sai melhor.

            Há males que vem para o bem, minha avó costuma falar. O que nos é tirado, é dado em dobro depois se merecermos. A idéia é não deixar que pequenos imprevistos impeçam um sonho.

            Por isso, nada de reclamar da vida galera! Se não conseguir hoje, amanhã quem sabe?

 

Nada mais a declarar.

 

Até a próxima,

 

Paty



Escrito por Paty Moraes às 17h23
[] [envie esta mensagem] []



Onde está o Norte?

Sei que eu ando um pouco afastada do blog. Mas como a gente sempre fala “Antes tarde do que nunca”.
Pois é, andei pensando a respeito sobre como as pessoas vêem o meu estado, o Pará. E descobri que muitas dessas não sabem o que falam, muito menos o que pensam a respeito.

Então, pra essas pessoas eu tenho algumas verdades à comentar...

*Paraense não é Carioca* Tá...eu sei que o sotaque carioca é carregado no “S”, maixx puxado. Só que o resto do Brasil, é influenciado pelo sotaque das novelas, ou seja, o sotaque imposto pela globo. Daí, a generalização dos sotaques, parece que passou do Rio é Carioca...NÃO! Vamos parar com esse preconceito bobo sobre cultura, sotaque ou estilo de cada um. O mundo seria bem mais interessante se pessoas passassem a aceitar mais as características dos outros.

*Têm mesmo jacaré e índio na rua??* CLARO! A gente também mora em ocas e plantamos apenas o que consumimos. Aff

*Chove sempre no mesmo horário?* Essa é uma pergunta bem épica, só que meio idiota...pensa! Quando se trata de NATUREZA, nada é certo! Então..chove sim em Belém –quase- todo dia, e –quase- a mesma hora, mas não A MESMA hora todos os dias. Pensem Gente!

*Nós comemos açaí com peixe frito e farinha* Gente, quem TOMA açaí pra ter energia são vocês, nós o temos como fonte de alimentação...sim almoço ou janta. É um alimento muito forte e que mantêm vivo muitos paraenses pobres que vivem no interior e apenas têm essa fruta para alimentar-se. E para aqueles que fazem cara de nojo quando eu falo de que forma se “toma” açaí no Pará, a gente também faz cara de nojo só de pensar em açaí com granola! Rsrs

*O Pará é muito longe?* Depende do que você considera longe. O Pará está a 2971 km de São Paulo, ou seja, 3 horas de avião ou 3 dias de carro. Pode ser bem perto, comparado a quem está na CHINA, deve ser bem mais perto neh?

*É um outro mundo* O Pará é carregado de cultura. Música, comidinhas, roupas, danças... pra quem nunca viu nada parecido, pesquise a respeito, vocês irão se surpreender com o que podem encontrar.


Como fala Pernalonga...“Por hoje é só pessoal”

Até a Próxima,


Paty



Escrito por Paty Moraes às 22h49
[] [envie esta mensagem] []



Quero que vc me aqueça nesse inverno e q td mais vá pro Inferno

Sabe...há muito que não escrevo por aqui. Mas hoje, depois de vários fatores, decidí voltar a escrever aquilo que ando sentindo no meu blog.
Muitas coisas andam acontecendo nesses últimos 4 meses, e como todos sabem, estou namorando. É pra aqueles que não acreditavam, repito, estou namorando, e quer saber, estou muito feliz. Acho engraçado quando comento com alguem sobre isso, geralmente há duas respostas, ou -Nossa que bom, conta mais!! Vc tá feliz???? , OU -Não acredito que vc vai fazer isso na sua vida, ele é homem não se esqueça, vc pode se ferir depois. Se eu fosse você, eu nunca faria isso. Acho melhor pensar mais a respeito.
Bom, para as pessoas da primeira resposta eu falo, muito obrigada pelos votos de felicidade, e pela preocupação em saber se estou feliz, e sim, mais um vez eu falo...estou feliz...e pra essas pessoas eu garanto toda a minha amizade e carinho, pois se preocupam comigo, então eu me preocupo com elas também.
Mas para as pessoas da segunda resposta, eu tenho alguns comentários à fazer a respeito... Primeiro, eu faço oque eu quiser da minha vida e com quem eu quiser, você não tem nada a ver comigo, e se não for para me desejar felicidade eu to dispensando. Pra esse tipo de pessoa, eu só quero distância. Segundo, EU SEI QUE ELE É HOMEM, CACETE!!! Ou você acha que eu gosto de briga de aranhas?? Me poupe desses detalhes sórdidos, eu quero é que ele seja HOMEM mesmo, que me trate como mulher, não como muitos que SE acham HOMEM, mas que só sabem fazer "suas" companheiras sofrerem, que namoram pensando em trair, e que não se importam com o que o outro pensa ou sente. Eu acredito que aquelas pessoas que não respeitam ao próximo, não podem se respeitar, aliás, nunca vão se respeitar e adquirir respeito.São fúteis e terão uma vida aparentemente feliz, uma vida falsa e sem sentido...meus pêsames para vocês, mas não é isso que eu quero da minha vida. Portanto, cuidem de suas vidinhas chatas, inúteis e infantís, e deixem a minha vida, carregada de sentido e felicidade em paz. Terceiro e último comentário, Agradeço a DEUS todos os dias por não ser que nem essas pessoas, e ainda bem que penso diferente. Tenho realmente muita pena delas.
Acredito que a felicidade dos outros incomoda, mas sabe, os incomodados que se mudem, eu estou aqui pra incomodar. Não to nem ai pra oque os outros pensam, ou falam de mim. Tenho a minha vida pra me preocupar, e muita coisa pra inventar de fazer, viajar nos meus sonhos pra um dia eles se tornarem realidade, e que sejam com o homem da minha vida, que a cada dia tenho mais certeza de que é isso mesmo, sem medo e sem traumas. Uma nova vida se inicia e tudo oque eu quero ser feliz, é fazê-lo feliz...
E enquanto escuto Counting Crows, John Mayer, John Butler trio, Dave Matthews, The Apple in stereo (essa é nova até pra mim..viva SWU online), Peter Gabriel, entre outros, viajo em meus devaneios e penso em como o meu amado pode estar agora... É isso, enquanto houver ele, do outro lado, aqui do outro eu consigo me orientar (OK! Sei que essa foi muito do Teatro Mágico, mas não tive como evitar...rsrs).

Beijo a todos que me amam, e àqueles da segunda resposta...Danem-se!

Paty



Escrito por Paty Moraes às 20h54
[] [envie esta mensagem] []



"E eu pensava e sonhava com vc

 E eu orava fantasia com vc

 Sentia sua ausência

 E procurava arrepio de cangote-e...e

 Esperava pelo frio pra te prender...

 Sentia sua presença...

Em igualdade, estamos em igualdade

Nosso amor se encontra nas estrelas

E esse brilho ninguém vai tirar

Quero um abraço, um cheiro, um colo

 Quero seu amor aqui e em qualquer lugar

Porque te amo incondicionalmente

e sempre vou te amar..."

Quase uma música...for you S2



Escrito por Paty Moraes às 21h42
[] [envie esta mensagem] []



Felicidade

Depois de dois meses sem postar alguma coisa aqui, eis que ressurjo das cinzas. Muitas coisas aconteceram desde então e eu teria muitas coisas pra contar, se eu pudesse, mas não posso. Então resolví falar um pouco sobre como é viver..
Às vezes, tudo parece bem, muito certo, você está feliz e nada pode acabar com isso, até que algo vai lá e te joga no chão ,te pisa, te detona e te reduz ao pó. Sabe, isso pode acontecer com qualquer um de nós, em qualquer situação, desde amoroso à trabalho, passando  por familia e amigos. E o que fazer quando isso acontece?? Se entregar? Continuar no chão esperando que te pisem mais ainda, esperar ansiosamente que alguém olhe pra você e puxe sua mão? Pois eu lhe digo, meu caro amigo (a), ISSO NÃO VAI ACONTECER!, depois de algumas coisas que andaram acotecendo comigo, com a minha familia e até mesmo com amigos, cheguei a conclusão que se nós mesmos não criarmos força e levantar a cabeça, se levantar e continuar a andar, e JAMAIS olhar pra baixo, ou pra trás, ninguém fará isso pela gente. E nesse momento descobrimos que nós somos responsáveis pela nossa felicidade, porque quem procura acha, e se não procurarmos e corrermos atrás, ela vai ficar lá, escondida...como se brincasse de pira-pega e você fosse a mãe, só resta encontrar e gritar: --1,2,3 ACHEI a felicidade! Ok! Eu sei que parece um assunto meio batido, mas vale lembrar que existe, e que muitas pessoas demorar a vida inteira pra descobrir que a verdadeira felicidade é aquela que ela mesma constrói e idealiza. Eu posso dizer, sou Feliz! Porque eu determinei que seria, independente dos meus problemas, há sempre momentos de alegria e paz que me fazem lembrar que a vida é sim pra ser vivida, ainda que seja breve , vamos viver! Óbvio, que aqui me refiro à felicidade saudável, àquela que não precisa de drogas, nem vícios pra que ocorra, achei que não fosse necessário escrever esse –pequeno- detalhe aqui, porém sempre tem aqueles que falam isso e aquilo, eis o motivo do meu comentário. Enfim, só queria terminar com um lembrete...Seja feliz por você, não deixe que outras pessoas definam a sua felicidade, afinal é como diz a nossa raposa, no livro O Pequeno Príncipe : Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas. É isso.
Ah! Respondendo a algumas perguntas, que deixaram nos meus comentários anteriores. Sim, eu tenho namorado,estou muito feliz com ele e Sim, eu faço publicidade e propaganda, estou treinando para ser redatora, tenho jeito?? Rsrs

Obrigado por passarem por aqui...

Bom dia,tarde, noite a todos!



Escrito por Paty Moraes às 20h14
[] [envie esta mensagem] []



***Pequenos Grandes Prazeres***

Muitas pessoas possuem tudo e ainda sim reclamam da vida. Como explicar portadores de grandes anomalias físicas estarem enriquecendo e pessoas normais pedindo esmola? Pois eu vos digo, todos eles cresceram, simplesmente, por tentar mostrar aos outros os Pequenos Prazeres da Vida, e pra aqueles que ainda não entenderam eu irei explicar:

-Já reparou no quanto é bom ouvir o barulho da chuva, o dedilhar de um violão ou uma simples gargalhada?

-Já sentiu as gotas de água quente caindo no seu rosto enquanto você toma banho?

-Um abraço apertado de saudade, nunca reparou o quanto é bom?

-Cafunpe de mãe, tem coisa melhor?

-Andar de mãos dadas então, ou um simples toque de mãos?

-Ouvir eu te amo, bem baixinho no pé do ouvido?

-Um beijo apaixonado embaixo da chuva?

-Observar uma borboleta?

-Afundar as mãos na areia?

-Ouvir as ondas do mar?

-O arrepio de um beijo na nuca?

-Os segundos que se antecipam ao beijo?

-Sentir o vento por entre os fios do cabelo?

-O cheiro de um bom perfume?

-Um sorriso envergonhado?

-O prazer de deitar num lençol limpo?

-Sentir o chocolate escorrer pela garganta?

-Sentir uma lágrima de felicidade?

-Ver o por do sol num dia "perdido"?

-Ou simplesmente, admirar a lua cheia com a sua majestade perante as estrelas?

-Os cinco minutos a mais de sono?

-Um "Bom Dia" acompanhado de um sorriso ainda deitados na cama

-Pegar uma bala num baleiro?

-Pentear o cabelo?

São tantos os prazeres que nem dá pra descrever, então páre de comprar livros de Auto Ajuda...descubra, sinta os seus e SEJA FELIZ!

Boa Noite

 



Escrito por Paty Moraes às 23h06
[] [envie esta mensagem] []



...Sexo, por Chico Xavier...

 

Chico Xavier, o gênio... Juro que acredito no Espírito Emmanuel, e por mais que existam muitas controvérsias a respeito da veracidade das cartas dele, não podemos negar que ele era um gênio, que trazia paz, àqueles que necessitavam de palavras de acalanto, e depois de 418 livros , acho que ele merece TODO o respeito do mundo...o meu sempre teve e sempre terá!

Por isso, hoje eu vou dedicar o meu post, a uma pequena citação feita por ele, essa mesma que aparece no filme. Achei extremamente genial...Leiam e comentem...

...CHICO XAVIER...Falando sobre Sexo...

Porque nós temos um problema em matéria de sexo na humanidade, que precisaríamos considerar com bastante segurança e respeito recíproco.

Se as potências do homem na visão, na audição, nos recursos imensos do cérebro nos recursos gustativos, nas mãos, na tatilidade com que as mãos executam trabalhos manuais, nos pés; se todas essas potências foram dadas ao homem para a educação, para o rendimento no bem, isto é, potências consagradas ao bem e à luz em nome de Deus, seria o sexo, em suas várias manifestações, sentenciado às trevas?

Precisa falar algo mais depois disso???

Boa noite, dia ou tarde a todos...



Escrito por Paty Moraes às 23h03
[] [envie esta mensagem] []



Why???

Porque...Porque tantas dúvidas, porque tantas perguntas..O mundo que antes girava ao meu redor, hoje já não faz mais isso..Porque esse medo? Porque essa angústia? Porque não me permitir..A liberdade nos foi dada pra que possamos dela usufruir, com responsabilidade...e isso não tem nada a ver  com a felicidade das pessoas, apenas a minha...eu sou a única responsável por mim, então porque eu não consigo me livrar de mim mesma??? Porque essa dúvidas que sempre insistem em me assombrar...e esse trauma...esse medo..da onde vem?? Porque...porque é tão mais simples falar do que fazer, travo...verbo perfeito pra me descrever...travei! Como se eu fosse um computador e estivesse precisando instalar algum software, senão trava! Trava, trava..Como fazer pra me auto-livrar?? Me livrar desses paradigmas que em nada me completam, muito pelo contrário, apenas me atrasam, e não permitem que eu viva o meu mundo...do meu jeito...O Mundo de Patricia...o meu refúgio, meu asilo, meu cantinho, meus pensamentos, minha vida...

Ok...don’t worry, i know but...

 Good night



Escrito por Paty Moraes às 19h19
[] [envie esta mensagem] []



**O Mundo de Patricia o.o'**

Andam me perguntando o porque de "Mundo de Patricia"....então vim aqui esclarecer esse pequeno fato...

O Mundo de Patricia, é o mundo que eu criei, uma forma de me proteger, de viver um lugar só meu, minhas regras, minhas vontades, meu mundo...Onde eu posso fazer oque eu bem entender, e onde eu não sou cobrada por isso ou aquilo... Um lugar onde imaginação e realidade convivem lado a lado como se fossem um casal de namorados andando de mãos dadas na pracinha... Se você em perguntar por onde andei, e obtiver uma resposta do tipo: - Tava por ae...viajando pelo mundo... É o mundo de Patrícia, sem dúvida, lá é o meu porto seguro, onde todas os meus desejos se libertam sem que ninguém esteja ao lado para contradizê-los... Se cada um de nós tivesse um mundo só seu, o mundo seria bem diferente...Não estou aqui falando isso para parecer a Miss Universo desejando a Paz Mundial e a União dos Povos (não que eu não deseje, muito pelo contrário...), mas pensem...se cada um tivesse uma rota de fuga, um lugar bem pertinho de sí mesmo, que não gastasse gasolina, nem passagem de ônibus, pra chegar, um lugar que pudesse se proteger dos males alheios, sem que fuja do mundo real...ai sim...as pessoas seriam mais felizes, menos estressadas e mais pacientes...

Eu voto por cada um criar o seu mundo...sem fugir do real, tampouco virar autista...apenas ter o seu canto...

Espero que tenham entendido...meu mundo é difícil de se associar, mas depois que acostuma... ninguém segura...

Bom dia,tarde,noite,madruga...procês...

Até a Próxima...

Paty



Escrito por Paty Moraes às 15h13
[] [envie esta mensagem] []



Essa é minha Mãe!

Hello galera...hoje eu pensei em vários assuntos pra escrever aqui, falar mais de mim, por mais músicas, falar de uns amigos,falar de umas aventuras, contar mais histórias sem noção...enfim! Uma diversidade gigantesca de assuntos...mas de repente fui olhar o meu Orkut, e EIS que a Digníssima Senhora Minha Mãe, deixou um recadinho tão lindo e tão profundo que eu não pude resistír e vim aqui compartilhar com vocês, é pequeno, mas é emocionante, partindo do presuposto que eu não falei nada e simplesmente ela resolveu escrever assim pra mim, leia e não chorem!

              MARLICE: amor da minha vida, te cuida, não acredita em todas as pessoas que dissem gostar de voce, primeiro consulte seu coração e sua sensibilidade, entregando-o  a Deus e pedido que se for uma boa pessoa fique perto de voce mais se não for que ele arrume uma maneira de afastá-la de sua convivência, e nunca arrependa-se se um dia alguem que voce acreditava ser seu amigo(a)  lhe decepcionou, apenas foi a mão de Deus, afastando-a de voce, pois essa pessoa não é merecedora de seu carinho, amizade e amor. pois  voce é um ser abençõado de luz e amor, e todos os que estão usufruindo de sua presença são privilegiados. e nem todos tem esse direito... só os bons de coração e de alma. bjs

da pessoa que mais agradece a Deus por ser sua mãe.... t amo.

Gente, minha mãe é muito fofa neh??? Mais ela é só minhaaaaa...ás vezes, eu divido com os meus irmãos e com meu pai, e um poquinho pro meu sobrinho, mas de resto é minhaaa...

Sem mais...

Bjksss Mill....e Feliz Páscoa a todos


Paty



Escrito por Paty Moraes às 12h31
[] [envie esta mensagem] []



My Immortal

Sei lá...essa música fala muito do que sinto...então...sem mais, hj o meu post vai só pra ela!


My Immortal

I'm so tired of being here
Suppressed by all of my childish fears
And if you have to leave
I wish that you would just leave
Your presence still lingers here
And it won't leave me alone

These wounds won't seem to heal

This pain is just too real
There's just too much that time cannot erase

When you cried I'd wipe away all of your tears

When you'd scream i'd fight away all of your fears
And I've held your hand through all of these years
But you still have all of me

You used to captivate me

By your resonating light
But now i'm bound by the life you left behind
Your face it haunts my once pleasant dreams
Your voice it chased away all the sanity in me

These wounds won't seem to heal

This pain is just too real
There's just too much that time cannot erase

When you cried I'd wipe away all of your tears

When you'd scream I'd fight away all of your fears
And I've held your hand through all of these years
But you still have all of me

I've tried so hard to tell myself that you're gone

But though you're still with me
I've been alone all along

When you cried I'd wipe away all of your tears

When you'd scream I'd fight away all of your fears
And I've held your hand through all of these years
But you still have all of me

 

Bjksss



Escrito por Paty Moraes às 13h27
[] [envie esta mensagem] []



**A solidão por Cecília Meirelles**

Juro que quando eu lí fiquei maravilhada, logo pensei...preciso por no Blog. Por isso leiam, e falem...que crônica bem feita...

Nada mais a declarar,  Cecília Meirelles fala por ela...

Da  solidão ( excertos)

  Há   muitas  pessoas  que  sofrem  do mal da  solidão. No entanto, haverá  na  terra verdadeira  solidão? Não estamos  todos  cercados  por  inúmeros  objetos, por infinitas  da  natureza  e o nosso mundo  particular  não  está  cheio  de lembranças, de sonhos, de  raciocinios,  de idéias, que impedem  uma total  solidão?

  Tudo  é vivo  e tudo fala, em redor  de nós, embora  com  vida  e voz  que  não são  humanas, mas  que  podemos  aprender  a escutar, porque  muitas  vezes  essa linguagem  secreta  ajuda  a esclarecer   o nosso próprio  mistério.Como aquele  sultão  Mamude, que   entendia   a fala  dos  passáros, podemos  aplicar  toda  a nossa  sensibilidade  a esse aparente  vazio  de solidão: e pouco  a pouco  nos sentiremos   enriquecidos.

  Amamos  o que  sentimos  de nós mesmos, nessas  variadas  coisas, já  que, por  egoistas  que  somos, não  sabemos  amar  senão  aquilo  em que  nos  encontramos. Amemos o antigo  encantamento  dos  nossos  olhos  infantis, quando começavam   a  descobrir  o mundo: as  nervuras  das  madeiras, com seus  caminhos de  bosques  e ondas  e  horizontes;   o desenho  dos  azulejos; o esmalte   das  louças: os tranquilos, metódicos  telhados...Amemos  o rumor  da  água  que  desejariamos  traduzir.

  Tudo palpita   em redor  de nós, e é   como um  dever   de amor  aplicarmos  o ouvido, a  vista, o  coração  a  essa infinidade  de formas  naturais ou  artificiais que  encerram  seu  segredo, suas  memórias, suas   silenciosas  experiências. A  rosa que  se   despede  de si  mesma, o  espelho onde  pousa  o  nosso rosto, a  fronha  por onde   se   desenham   os  sonhos  de quem  dorme, tudo, tudo  é  um  mundo com  passado, presente, futuro, pelo  qual  transitamos  atentos  ou   distraidos. Mundo delicado,que  não se impõe  com  violência: que  aceita  a   nossa  frivolidade  ou  o nosso  respeito; que  espera  que   o descubramos, sem se  anunciar   nem pretender  prevaalecer; que  pode  ficar   para   sempre ignorado, sem que por isso deixe de existir; que não faz da sua presença um anúncio exigente “Estou aqui! Estou aqui!. Mas, concentrado em sua essência , só se revela quando os nosso sesntidos estão aptos para o descobrirem. E que em silêncio nos oferece sua múltipla companhia, generosa e invisivel. Oh, se vos queixas de solidão humana, prestais atenção, em redor de vós, a essa prestigiosa presença, a essa copiosa linguagem que de tudo transborda, e que conversará convosco interminavelmente.

(Cecília Meireles)

Bom dia, boa tarde ou Boa noite...

Bjs Paty

 

 



Escrito por Paty Moraes às 20h00
[] [envie esta mensagem] []



-- Brilho das Estrelas --

Devido à inúmeros pedidos ( 1! ) Continuarei as minhas histórias infantís...

Estrelas, luas, cometas...

Sabe, eu sempre olho o céu estrelado completamente HIPNOTIZADA. Existe algo, ou alguém, que me chama, e simplesmente não sei explicar o que é... Mas eu tenho uma teoria pro brilho das estrelas....

....Há muito tempo atrás, bem no início da humanidade, quando não existia luz elétrica e os relógios eram só os de sol, existia uma menininha, que se chamava Estela. Ela morava com seus pais no interior, bem no alto de uma colina. O seu pai era Mago e sua Mãe era bruxa, por isso ela estava se tornando uma aprendiz de feiticeira. Costumava se divertir fazendo poções que davam muitas bolinhas e pequenas explosões, além de que todas as suas receitas eram testadas nos seus bichinhos. Estela nunca esquecera do dia em que levou uma grande bronca de seus pais por ter deixado o burro azul com bolinhas vermelhas e as galinhas todas botando ovos com estampa xadrez, mas precisava admitir que havia sido muito engraçado.

O maior medo da pequena Estela, era a escuridão, esse era o único mal que deixava a pequenina sem forças e completamente atônita! Um dia, seus pais precisavam ir a um encontro de bruxos, magos e druídas na floresta e deixariam Estela sozinha, só por um tempinho... Mas noite estava muito escura, Estela não parava de chorar com medo interminável, até que seu pai teve uma idéia... Fez uma grande magia e acendeu vários planetas lá no céu, eles estavam tão longe, mais tão longe de estela, que pareceram pequenos pontinhos de luz. O grande Mago então disse que os chamaria de Estrelas, em homenagem a sua tão linda Estelinha, assim, a pequenina aprendiz conseguiu passar a noite sozinha, mas não dormiu, dessa vez foi de encanto, pelo brilho tão especial que elas tinham.

Estela cresceu, mas nunca deixou de amar àquelas que foram feitas com tanto amor só para que ela não sentisse medo. E quando teve um filho o chamou de Raul,e fez questão de fazer algo tão especial quanto o pai havia feito pra ela, juntou várias Estrelinhas e fez uma única, gigante, com mais brilho que todas as outras a chamando de LUAR, em homenagem ao seu pequenino aprendiz.

FIM

E por hoje é só pessoal, quem gostou comente, quem não gostou, pode ficar calado! 

Bom dia, Boa Tarde, Boa Noite ou Boa Madrugada 

Paty



Escrito por Paty Moraes às 15h59
[] [envie esta mensagem] []



...Lua e Sol...

Eu fico com a pureza das respostas das crianças, é a vida é bonita e é bonita.

Sabe aqueles dias em que você acorda e vem na cabeça àquela música mais antiga que você conhece?? Dai você imagina, ferrou! Meu dia vai ser uma bosta! Mas...ao sair de casa, você se depara com um LINDO SOL, saindo por detrás das nuvens, o céu azul clarinho (como o céu de Belém)...é como se o dia te desse BOM DIA! Então você começa a pensar: -Que belo dia...dá até vontade de cantar...

Tá bom, tá bom...vou ser Realista. Só eu penso isso, mas eu não tenho culpa se o céu me hipnotiza, e sempre tem o poder de me acalmar e me fazer refletir. O pior de tudo é que hoje de manhã me veio os pensamentos mais infantís do mundo e eu vou falar qual é através da história que eu imaginei...

O amor proibido dos astros celestes

Bem lá em cima, no céu, que agora começa a ficar mais azul, a Lua ainda aparece. O Sol irradia tanto brilho que mal posso andar com os olhos abertos sem óculos. Para quem não sabe o que anda acontecendo com o céu, eu vos explico: A Lua -jovem moça- sempre foi apaixonada pelo Sol -belo rapaz-, eles não se vêm sempre, mas às vezes, ela sente saudade dele e aparece para visitá-lo. Ele também tem uma paixão platônica por ela e fica bastante feliz com a sua tão bela visita, por isso irradia ainda mais. Só que a vida no céu também causa tristeza na Jovem Lua, e ela aproxíma-se da terra para conversar com o seu melhor amigo, o Mar.

O Mar fica tão feliz quando a Lua aparece, mesmo que seja para pedir um consolo, que todos os mares e oceanos se agitam. É como fala aquela música de Sandy e Jr :"Luz que banha a noite, e faz o sol adormecer", a lua toca no mar e ambos sentem-se maravilhados com a existência um do outro.

Quando o lindo Sol percebe que a jovem Lua está triste por causa de sua ausência, ele aparece para acalentá-la, e quando eles se encontram o Dia vira noite (os humanos costumam chamar de eclípse)...

Essa é a minha história infantil...Ok! Eu sei que eu viajo na Maionese, mas faz parte...

Boa manhã, tarde ou noite à todos...

Bjinssss



Escrito por Paty Moraes às 15h38
[] [envie esta mensagem] []



>>Com a cabeça erguida<<

E pra variar, faz muito tempo que não posto nada aqui no meu blog... Como dizia aquele velho ditado, antes

tarde do que nunca!!!


Então vamos começar de novo...

Dizem que o ano só começa depois do carnaval, férias e afins. Mas pra mim o ano começou muito antes de acabar!!

Uma bomba explodiu na minha cabeça que me deixou sem chão e desesperada, nesse momento eu não conseguia nem

pensar muito bem, mas...tinha que continuar, seguir em frente e arranjar soluções para o problema, e foi o que eu fiz.

Algumas pessoas me perguntam:  Como você conseguiu continuar em pé, a sorrir, mesmo com tantos problemas?? E eu

respondo... Problemas existem para serem solucionados, só o que não tem remédio é a Morte, o resto a gente corre atrás...

e pra falar a verdade, eu não fui tão dura assim, enquanto permanecia em pé ao lado de muita gente, em casa me acabava

em lágrimas no colo das minhas irmãs..porque meus pais precisavam me ver forte...eles necessitam da minha força mais do que

eu mesma...e assim foi...já se passaram 5 meses e as coisas ainda estão se ajeitando, mas minha cabeça permanece em pé.

Tudo bem que tem dias em que eu só quero chegar em casa e chorar, ou nem pra casa quero ir; tem dias que a vontade é

ficar na rua, viver um mundo diferente, sair do real; tem dias que eu só quero um colo; tem dias que dá vontade de desistir.

Mas esses dias, são apenas vontades, idéias, que não saem do papel.... e quando isso acontece, mas uma vez os meus amigos

entram em jogo e me ajudam a levantar a cabeça e seguir em frente...

Falando em amigos, eu não posso deixar de falar aqui mais uma vez nas pessoas que sempre me fazem muito bem, e que

tem o poder de adivinhar quando não estou tão bem assim...Pessoas que conhecí à pouco tempo, porém que faço

questão de levar pra vida inteira como toda a trupe dos Sungas Frôxas! hehe...

Enfim, isso prova mais uma vez que sozinhos não somos ninguém...logo eu! Assumidamente Carente, por isso faço

tanta questão dos meus amigos...É claro que no final a decisão quem toma sou Eu, ninguém fala oque eu devo fazer...apenas me apóiam...

E pra aqueles que andam curiosos sobre que problema foi esse, ele tem nome e chama-se Meu Pai... mas podem ficar tranquilos,

o pior já passou, agora está tudo bem...

Fuiiiii....

PS1: Condimone EU que aparece sempre pelo meu blog, favor identificar-se...minha curiosidade está aos extremos!

PS2: Marcelo Theodoro, ainda vou falar de vc aqui meu bem...um post só seu! Não esquecí não...

PS3 Queria muito... (só nerd pra entender...rsrsrs)



Escrito por Paty Moraes às 16h32
[] [envie esta mensagem] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]